domingo, 20 de janeiro de 2008

Minhas Queridas Filhas!!!

Muito me têm dito que ando preguiçosa! Não é preguiçosa, é muito ocupada!

Estamos no meio do fim-de-semana e eu nem fim-de-semana tenho. Todos momentos livres são divididos ente alguém, que ainda me pergunto se merece, a bijutaria e as minhas queridas filhas... Filhas, sim! Não sabiam? As de 4 patas!

Neste momento tenho 3 cá em casa: 2 perdigueiras (+-5meses), irmãs, uma castanha escura e outra preta. A preta vinha com uma micose no focinho e ninguém tratava dela... Com pomada 2 ou 3 vezes ficou óptima! A mana vinha óptima e continua, a ver pelo peso!!! Digam lá se não são de se derreter... Mas falta um doninho que as estime, até que a morte os separe...















E 1 menina (+-4meses) que tirei do mato juntamente com a irmã. A irmã juntou-se passado pouco tempo as estrelas. E esta menina a "Gremlin" ("gremlin" porque a minha mãe dizia sempre que ela era parecida com aqueles bichos que eu via naquele filme quando eu era pequena na altura do natal!!!) foi vencendo cada dia até hoje. A mãe é uma cadela vadia de mato e já anda de novo com o cio.



Esta menina muito me tem preocupado e venho desabafar aqui esperando que aqui possa encontrar ajuda para a solução do meu problema. A Gremlin tem um problema num olho, como podem ver pela foto. Vai ter de ser operada para aquilo ser removido e a AANIFEIRA não pode suportar esse tipo de custos. O dinheiro que têm mal chega para alimentar os mais de 500 cães que têm. Vou ter de ser eu a pagar a cirurgia e vai ser com um grande esforço pois as minhas obrigações a isso obrigam. O Dr. Júlio Nascimento (Oliveira de Azeméis) vai me fazer o trabalho gratuitamente segunda-feira (dia 21), só terei de pagar o material, mesmo assim tive conhecimento que a anestesia pode custar até 100€. Mas os problemas desta menina não acabam por aqui... é um típico animal de mato, não está habituada aos humanos. Foge de nós, morde-nos, esconde-se e já está cá em casa desde o dia 1 de Novembro. Quando finalmente conseguimos apanhá-la, o medo é tanto que ela não suporta as fezes e faz tudo por ela abaixo. Tenho tanta pena dela... Não sei qual será o destino dela: ela nunca será adoptável, dificilmente irá se habituar a alguém e poderá talvez se tornar ainda mais agressiva com a idade... Existe uma solução: ela ser recuperada por um especialista, tratador de animais que a domestique... mas essas pessoas são raras e muito caras... Estou muito assustada com o futuro desta menina. Se alguém souber de alguma informação que me possa ajudar, agradeço.

A ponte do Arco-íris
O pequeno filhote e um cão mais velho estavam deitados à sombra, sobre a grama verde, observando os reencontros. Ás vezes um homem, às vezes uma mulher, às vezes uma familia inteira se aproximava da ponte do arco-íris. Era recebida pelos seus animais de estimação com muita festa e eles cruzavam junto a ponte. O filhote cotovelou o cão mais velho: "olha lá! Está uma coisa maravilhosa acontecer!" O cão mais velho levantou-se e latiu: "Rápido! Vamos até a entrada da ponte!" "Mas aquele não é o meu dono", choramingou o filhote mas obedeceu. Milhares de animais de estimação correram em direcção àquela pessoa vestida de branco, que caminhava em direcção a ponte. Conforme aquela pessoa iluminada passava por cada animal, o animal fazia uma reverência com a cabeça em sinal de amor e respeito. A pessoa, finalmente, aproximou-se da ponte, onde foi recebida por uma multidão de animais que lhe faziam muita festa. Juntos eles atravessaram a ponte e desapareceram. O filhote ainda estava atónico: "Aquilo era um anjo?", perguntou baixinho. "Não, filho", respondeu o cão mais velho, "Aquilo não era só um anjo, era uma pessoa que trabalhava num abrigo de animais."
Autor desconhecido

Para as más linguas, é raro vir cá, mas quando venho, VENHO!

2 comentários:

Isabel disse...

Anabela....
Eu acho que paciência e amor é um primeiro passo muito importante... Vou ver se descubro algum especialista que possa ajudar e entretanto, disponibilizo já ajuda monetária.

Don't worry, be happy disse...

fico muito feliz, acima de tudo pela gremlin, mas também por existirem pessoas como a isabel que se preocupam. É um verdadeiro exemplo!
Faz com que o trabalho daqueles que se preocupam com os mais indefesos valha a pena e serve também para provar que a Internet e mais concretamente, a Blogosfera, é um meio de comunicação de excelência e serve também para fazer deste mundo, um mundo um pouco melhor....

:)